domingo, 5 de junho de 2011

Estudantes de engenharia da Austrália apresentam EDWARD, um diciclo para o futuro

Apesar de possuir apenas duas rodas, o carro é algo totalmente diferente de uma moto ou uma bicicleta.

Por Daniel Pavani

Um grupo de alunos de engenharia da Universidade de Adelaide, na Austrália, criou uma nova versão do veículo de duas rodas conhecido como diciclo. O veículo possui um motor elétrico e um controle de estabilidade para o piloto, além de permitir o controle com o piloto de cabeça para baixo.

O nome do veículo é EDWARD, porém não por algum motivo em especial, mas por que é a sigla de Eletric Diwheel With Active Rotation Damping. Diwheel é um tipo de veículo de duas rodas paralelas justapostas por um mesmo eixo (ao contrário das motos, por exemplo), e que também é conhecido como dycicle, ou diciclo, em português (en.wikipedia.org/wiki/Dicycle).

Os estudantes contam que já foram desenvolvidos muitos diwheels, mas, em geral, eles eram movidos por um motor a combustão. O EDWARD, porém, é movido por um motor elétrico e possui ainda outras características que o diferem de seus precursores. Duas das mais interessantes são a estabilidade lateral, que evita o movimento inercial do piloto em caso de acelerações ou desacelerações bruscas, e ainda um sistema que permite que o piloto conduza o veículo estando de cabeça para baixo. Tudo isso atingindo velocidades de até 40 km/h.

Assim como comenta o site Hack A Day, se houvesse uma votação para escolhermos hoje o carro do futuro, muito provavelmente diciclos como este estariam na lista, junto com planadores e teletransporte, claro.

Um vídeo no YouTube (goo.gl/ZsEVO) dá uma boa ideia de como seria dirigir um veículo deste tipo. Vale a pena dar uma olhada!

Crédito: Reprodução.

Mais notícias em dpavani.geek.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário